jusbrasil.com.br
23 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios TJ-DF: 0011741-75.2017.8.07.0000 0011741-75.2017.8.07.0000

Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
2ª TURMA CRIMINAL
Publicação
Publicado no DJE : 03/05/2017 . Pág.: 129/144
Julgamento
27 de Abril de 2017
Relator
JAIR SOARES
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

Roubo circunstanciado. Prisão preventiva. Garantia da ordem pública. Ameaças à vítima. Gravidade do crime.

1 - Condições pessoais favoráveis do acusado não impedem a custódia cautelar se presentes os requisitos que a autorizam, como garantia da ordem pública.
2 - A gravidade do crime (roubo circunstanciado), evidenciada pelas circunstâncias em que foi cometido, justifica a prisão preventiva como garantia da ordem pública, sobretudo se o paciente, ao encontrar a vítima, depois do fato, a ameaça.

Acórdão

DENEGAR A ORDEM. UNÂNIME
Disponível em: https://tj-df.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/455357149/20170020110370-0011741-7520178070000