jusbrasil.com.br
23 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios TJ-DF: 0003540-50.2015.8.07.0005 DF 0003540-50.2015.8.07.0005

Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
2ª TURMA CRIMINAL
Publicação
Publicado no DJE : 06/09/2017 . Pág.: 405/427
Julgamento
31 de Agosto de 2017
Relator
JOÃO TIMÓTEO DE OLIVEIRA
Documentos anexos
Inteiro TeorTJ-DF__20150510035629_5de73.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

APELAÇÃO. PENAL. PROCESSO PENAL. TRIBUNAL DO JÚRI. HOMICÍDIO QUALIFICADO POR MOTIVO FÚTIL E MEIO CRUEL. ATENUANTE DA CONFISSÃO ESPONTÂNEA E AGRAVANTES CONSISTENTES EM MEIO CRUEL E EM CRIME PRATICADO CONTRA IRMÃO. PREPONDERÂNCIA PARCIAL DA ATENUANTE SOBRE AS AGRAVANTES. PENA. IMPÕE-SE A MANUTENÇÃO. RECURSO DESPROVIDO.

1. A confissão espontânea diz respeito à personalidade do agente, sendo preponderante e elemento de prova importante que revela aspecto favorável da personalidade do acusado. Contudo, no caso em análise, a preponderância da confissão espontânea não pode ser considerada em sua totalidade, considerando que o crime de homicídio foi praticado com meio cruel e contra irmão.
2. Impõe-se a manutenção da pena, eis que fixada em observância aos princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, prestigiando-se os critérios de necessidade e de suficiência para a reprovação e a prevenção do crime.

Acórdão

NEGAR PROVIMENTO. UNÂNIME
Disponível em: https://tj-df.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/501653334/20150510035629-df-0003540-5020158070005

Informações relacionadas

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 7 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - HABEAS CORPUS: HC 149007 MT 2009/0190797-6

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 5 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - AGRAVO REGIMENTAL NOS EMBARGOS DE DECLARAÇÃO NO AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL: AgRg nos EDcl no AREsp 456426 SP 2013/0414726-3

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 6 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL: AgRg no REsp 1366851 MG 2013/0048491-2