jusbrasil.com.br
25 de Junho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios TJ-DF: 0007388-49.2009.8.07.0007 DF 0007388-49.2009.8.07.0007

Detalhes da Jurisprudência

Órgão Julgador

5ª Turma Cível

Publicação

Publicado no DJE : 04/10/2010 . Pág.: 145

Julgamento

22 de Setembro de 2010

Relator

ROMEU GONZAGA NEIVA

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-DF__20090710327864_46d95.doc
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

PROCESSO CIVIL. DETERMINAÇÃO DE EMENDA. INDEFERIMENTO DA INICIAL. PRÁTICA DO ATO A DESTEMPO. INSTRUMENTALIDADE DAS FORMAS. ART. 284 DO CPC. PRAZO DILATÓRIO.

1. A determinação de emenda à inicial para juntar vias originais ou cópias autenticadas em cartório das procurações e regularizar o polo passivo da ação, embora cumprida a destempo, ocorreu antes de proferida a sentença. Nessa perspectiva, caso se mantenha a extinção, patente será o prejuízo para o jurisdicionado, eis que esta se deu de forma prematura, mesmo porque, sequer houve renovação da intimação para que a parte desse cumprimento ao despacho.
2. O rigorismo da técnica processual há de ser abrandado, em homenagem ao escopo maior do processo.
3. "O prazo do art. 284 do CPC é dilatório e não peremptório, ou seja, pode ser reduzido ou prorrogado por convenção das partes ou por determinação do juiz, conforme estabelece o art. 181 do CPC. Diante disso, amplo o campo de discricionariedade do juiz para aceitar a prática do ato a destempo." (REsp 87661/RS, Ministra Nancy Andrighi, Terceira Turma, Data do Julgamento 17.05.2007, DJ 11.06.2007 p. 313) 4. Recurso provido. Unânime.

Acórdão

CONHECER. DAR PROVIMENTO. UNÂNIME.
Disponível em: https://tj-df.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/907078154/20090710327864-df-0007388-4920098070007

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça do Paraná
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - PROCESSO CÍVEL E DO TRABALHO - Recursos - Apelação: APL 0026696-35.2018.8.16.0030 PR 0026696-35.2018.8.16.0030 (Acórdão)